Não sou contra os professores, apenas afirmo que para tudo existe o caminho certo

,
Professor Joás 

Neste último final de semana, assistir a reação dos nossos queridos professores, que usaram das palavras mais baixas, claro, usando a sabedoria da língua portuguesa, com intuito de denegrir e rebaixar a minha pessoa, simplesmente por mim expressar a minha opinião quanto ao polêmico assunto dos precatórios do fundef, dinheiro esse que a classe é merecedora de receber, porém, pelo caminho certo.
Esse Geo , quando foi candidato a deputado, teve o apoio e voto de muitos professores, ele mais do que ninguém sabe a força da nossa classe, corrompido pelos deleites que o poder efêmero proporciona, busca hoje sem êxito atacar a categoria! É  bom que ele se recolha a insignifancia dele, não precisamos da opinião dele, pois a credibilidade que ele tem perante a sociedade é  de um bajulador que não tem a reciprocidade dos que ele bajula... Tínhamos quatro microfones espalhados na audiência, a disposição de todos em especial da gestão pra fazer o contraponto ao deputado, mas o que todos testemunharam foi um taciturno silêncio, porém se utilizando do ardil comum dos covardes posta uma matéria querendo desqualificar a audiência e o deputado Fernando Rodolfo!   Mas a luta continua apesar desses que tentam destruir a nossa entidade!  Mas não irão conseguir só quem nos para é  Deus. Disse o professor Joás, representante do simpebel.
O deputado Fernando Rodolfo, apresenta uma opção para resolver o problema mais rápido, um método político, uma prática caseira, ao meu ver um atalho, porém vai dos gestores, querer seguir a orientação do órgão federal, assim como é o dinheiro de origem federal,  ou fazer da forma que os professores já tinha falado a alguns meses atrás, mesmo antes da palestra com o parlamentar.
Em momento algum menosprezo  a classe nas minhas palavras , ao contrário do que eu tenho visto, que muitos tem feito a minha pessoa nesses últimos dias.
Muitos prefeitos estão resolvendo, justamente pelo um olhar político, outros estão esperando um parecer favorável do TCU, órgão que no momento, tem atrapalhado, o que tanto a classe almeja, contínuo na torcida que tudo der certo para os professores.
Minha opinião é a mesma, existe o caminho, o TCU colocou uma pedra no caminho, aí cada prefeito decide, se quer fazer um jeito pra chegar mais depressa ou não.
O certo é fazer com que quem jogou o embaraço, desmanche.
Eu acho legítima a luta do deputado federal,  lutando contra o TCU, contra o STF e no congresso Nacional, ele está sendo um guerreiro e merece os aplausos de todos, discordo apenas dele incitar a guerra entre professores e gestão.
Tenho familiares, tias, primas que serão beneficiados com isso.
Apenas não acho justo o que o deputado tem feito, andar de Cidade em Cidade, jogando a classe contra os gestores, quando na realidade, eles não tem culpa alguma, se as recomendações do TCU não tem favorecido os professores.
Se eu como analfabeto que sou, mim expressei, de forma que desagradou a classe peço mil desculpas, não foi a minha intenção.

0 comentários:

Postar um comentário