PSB precisa definir candidato a governador em Pernambuco

,

 


A indefinição do PSB quanto a quem será o candidato a governador já começa a criar um clima de inquietação entre aliados, principalmente porque os nomes que disputarão pelo campo oposicionista já andam bem cristalizados. A demora para o anúncio do nome que representará a Frente Popular na disputa chegou ao ponto do PT sugerir encabeçar a chapa majoritária.

Nome defendido pela cúpula orgânica do PSB para disputar o Governo do Estado, o ex-prefeito do Recife, Geraldo Júlio, segue sinalizando desinteresse. Enquanto isto o nome do secretário da Casa Civil José Neto ganha força como alternativa. Outros nomes, a exemplo de Fernandha Batista, secretária de Infraestrutura, e do deputado federal Tadeu Alencar, também são lembrados, mas em menor proporção.

Em reserva, um deputado federal destacou que o anúncio do candidato a governador o quanto antes é importante para que seja trabalhado junto, não apenas às bases, mas, sobretudo, à população. “Precisamos definir o mais rápido possível. A oposição já está bem avançada neste quesito e nós precisamos andar com o nosso candidato pelo estado”, registrou.

Outra questão em relação a necessidade de definição diz respeito à construção da chapa majoritária. “A composição depende deste nome”, lembrou o parlamentar.

Se por um lado há aqueles que defendem uma definição, por outros existe os que acreditam que ainda é cedo. Ao Blog um deputado estadual defensor desta tese afirmou que ainda não é tempo e que no momento certo o PSB apresentará o seu candidato. “Quem precisa se preocupar com candidato a governador é a oposição. Na hora certa o governador Paulo Câmara, líder e condutor deste processo, irá apresentar o nome e nós iremos vencer as eleições. Não tenho dúvida”, cravou.

0 comentários:

Postar um comentário