Vereador governista sai em defesa de Carlos Evandro

,
Após sessenta dias de recesso a Câmara Municipal de Serra Talhada (CMST) retomou os trabalhos na noite dessa segunda-feira (4), numa sessão que não trouxe muitas novidades, mas pelo menos o discurso do vereador Nailson Gomes chamou a atenção.
Ao contrário da bancada de oposição que silenciou sobre o tema, Gomes, que assumiu a liderança do governo do Partido Trabalhadores (PT), fez uma defesa apaixonada do ex-prefeito Carlos Evandro (PSB), que após ‘alfinetar’ o jovem Victor Oliveira (PR) na disputa interna do grupo (relembre), foi rotulado como ‘traidor’ por alguns republicanos, no anonimato. Nailson Gomes foi secretário na gestão do ex-prefeito.
“Não tenho procuração dele [Carlos], vou falar aqui porque o político independente de estar ou não no cargo tem que ser respeitado. Ouvi comentários em torno do meu amigo, o ex-prefeito Carlos Evandro. O que fizeram com ele hoje na imprensa… foi colocado como traidor. Primeiro que é um direito de todo cidadão ou não, querer pleitear um mandato. E até que se prove o contrário, ele pode colocar o nome dele [na disputa para 2020], tão taxando ele de traidor”, disse Gomes, arrematando:
“Ele tem que ser respeitado como homem e ex-prefeito que fez o seu papel. Ele deu a sua contribuição para Serra Talhada. Fica aqui o nosso protesto pelo que foi dito contra o ex-prefeito Carlos Evandro”.
O presidente da Câmara, Manoel Enfermeiro, também foi solidário com Carlos Evandro: “Carlos Evandro é um grande homem e é meu amigo”, resumiu.

0 comentários:

Postar um comentário